Do planejamento da gravidez

Depois de quase um ano afastada, acredito ser preciso retomar essa prática em mim esquecida. Com tantos afazeres, acabo postergando a minha necessidade de externar, de alguma forma, tudo o que penso ou sinto. Como ainda não faço terapia nem tenho encontros regulares com os poucos amigos que acredito ter, a solução é escrever (como sempre foi).

Pelo título do post dá pra entender um pouco (ou não) a razão do meu afastamento. Com tanta coisa acontecendo na vida, a mistura de emoções, não consegui fazer o que queria: um diário da gravidez. Mas lembro de muitos detalhes e alguns até foram registrados em locais aleatórios, apenas para não se perderem de mim. Antes que eu os perca, melhor reunir tudo aqui, pois talvez seja a forma mais segura de armazenar minhas lembranças de uma época tão especial.cegonha-bebe_318-1444 Continuar lendo Do planejamento da gravidez